Receita de Bolo de Milho

Receita de bolo de milho
Receita de bolo de milho

Bolo de Milho

Prepare esta deliciosa receita de bolo de milho altamente nutritivo, rápido e fácil.
Tempo de Preparo 1 hr
Tempo Total 1 hr
Ocasião Breakfast, Brunch, Café da Manhã, Café da Tarde, Festas Juninas, Lanche, Sobremesa
Cozinha Portuguesa
Porções 10 Porções

Ingredientes
  

  • 3 Ovos
  • 1 lata de Milho (ou 1 xícara de milho verde )
  • 1 lata de Leite Utilize a lata de milho como base para medida
  • 1/2 lata de Óleo
  • 1 e 1/2 lata de Fubá
  • 1/2 lata de Açúcar
  • 1/2 lata de Queijo ralado (curado, meia cura ou parmesão

Passo a Passo
 

  • No liquidificador, bata todos os ingredientes do bolo de milho simples, exceto o fermento em pó, até obter uma mistura homogênea;
  • Acrescente o fermento em pó e aperte a tecla PULSAR do liquidificador, algumas vezes, até ele se misturar à massa;
  • Despeje a mistura em uma forma retangular de 20cm x 30cm, untada e enfarinhada;
  • Leve para assar em forno médio preaquecido por cerca de 40 minutos (ou até dourar);
  • Retire do forno, espere amornar e sirva.
Palavras-chave dessa receita Bolo confeitado, Bolo de cenoura, Bolo de Chocolate, Bolo de fubá, Bolo de laranja, Bolo de macaracujá, Bolo de Milho, Bolo fofo

Não há nada melhor para acompanhar aquele delicioso café da tarde ou da manhã, do que um bolo de milho bem preparado e quentinho, não é mesmo? Que tal conhecer um pouco sobre a história desta deliciosa receita, de como surgiu e qual sua origem? Vamos lá.

Como surgiu o milho?

Descoberto em ilhas próximas ao litoral mexicano, há mais de 7 mil anos, a planta silvestre recebeu o nome de “milho”, possuindo origem indígena caribenha, significando “sustento de vida”. Bastante usado pelos incas, maias e astecas, o grão foi a base da alimentação das sociedades antigas e todas as atividades em grupo eram realizadas em função de seu plantio.

Com o período da colonização do continente americano e as grandes navegações, o alimento ganhou o mundo e tornou-se um dos primeiros itens de cultura mundial, perdendo apenas para o trigo e o arroz. A facilidade de cultivo e a variedade de formas de consumo – que pode ser ingerido tanto cru, como cozido, seco ou transformado em farinha – garantiram seu sucesso em diferentes regiões do mundo, entre elas, o México onde utilizava o farelo para preparar pequenos bolos chamados de tortillas que está presente, até os dias de hoje, no cardápio tradicional nativo.

O grão não chegou a parar nas mãos dos brasileiros somente com a chegada dos europeus. No Brasil, o milho já fazia parte do dia a dia dos índios antes mesmo da chegada dos colonizadores, que aproveitavam todas as partes do vegetal. E com a vinda dos portugueses, surgiram novos pratos à base de milho e seu consumo aumentou de forma significativa.

Mas, em 1950, por conta de uma forte campanha favorecendo o trigo, o item perdeu espaço entre os alimentos preferidos da mesa brasileira e, hoje, tem um consumo abaixo dos números de locais como México e Caribe.

Já no Brasil, o cereal tem apenas 5% de sua produção direcionada para o consumo humano, pois a maior parte vai para a alimentação de animais criados em grande escala.

Benefícios do bolo de milho

Não é somente pelo prazer que ele traz ao paladar que o milho deverá aparecer com mais frequência na alimentação. O grão possui fibras e nutrientes que auxiliam no bom funcionamento do organismo. Mas para o consumo saudável do milho, é recomendado não adicionar muita gordura ou açúcar durante o preparo dos alimentos.

Origem do bolo de milho

Acredita-se que a origem do bolo tenha sido no Egito Antigo na forma de pães adoçados com xarope de frutas, tâmaras e passas. Os gregos e romanos o aperfeiçoaram, onde eram oferecidos um preparado redondo de mel e pão coberto de velas acesas, que simbolizava, a lua cheia, símbolo de Ártemis, deusa da fertilidade; caça e maternidade. Porém, a real diferença entre pães e bolos só veio a ser caracterizada durante o Renascimento.

Você sabia?

As velas colocadas em cima do bolo também surgiram na época dos deuses antigos, pois as pessoas acreditavam que a fumaça delas tinham o poder de proteger o aniversariante para o ano vindouro. Na modernidade, a tradição mudou de objetivo, propondo ao aniversariante apagar todas as velinhas de uma só vez, fazendo um pedido, que só se realizaria se fosse mantido em segredo.

Com o passar dos anos, os bolos vieram ganhando várias versões, nos dias hoje encontramos bolo fofo, bolo de maracujá, bolo mesclado, bolo de chocolate, bolo de fubá, bolo de laranja, bolo de cenoura, bolo mole e bolo Inglês e mais uma enorme variedade de receitas que hoje fazem parte do nosso dia a dia, assim como o bolo de milho, e não somente em eventos comemorativos, até porque, quem não gosta de um bolo de milho, muito bem preparado, não é mesmo? Ainda mais se tratando de uma receita bem preparada pela Achou Gastronomia, e para mais receitas como esta basta acessar o site e preparar seu prato especial.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Avalie essa receita