(Foto: Let’s Go Digital.)

Segundo o Let’s Go Digital, site de novidades tecnológicas, o novo celular da Samsung pode vir com um sensor molecular, nova patente registrada pela marca, o qual permitirá a análise de alimentos para, após, disponibilizar as informações nutricionais destes. Pelo menos é o que os rumores afirmam, já que imagens conceituais demonstram que isso irá ocorrer.

O princípio desta tecnologia baseia-se no uso de um espectrômetro infravermelho, que, a partir do espectro de radiação eletromagnética, poderá indicar níveis de açúcar em frutas, por exemplo. Além disso, o sensor também permitirá o informe dos níveis de gordura do próprio corpo humano, não tendo suas funções limitadas à vertente gastronômica.

sensor molecular Galaxy S11
(Foto: Divulgação.)

De forma geral, essa tecnologia iria auxiliar muito na hora das compras e, até mesmo, na fuga da dieta. Seu uso seria muito interessante para diabéticos, pois estes poderiam avaliar a quantidade de açúcares presente em cada alimento antes de consumí-lo, de modo a manter um melhor controle sobre sua glicemia. 

Até o momento, a empresa não comentou nada acerca do suposto pelo mercado, mas espera-se que um anúncio oficial não irá demorar muito para acontecer.

A título de curiosidade, é interessante ressaltar que esta tecnologia não é nova no mundo tecnológico. Em 2017, surgiu, na China, o primeiro celular com essa funcionalidade do mundo. Acoplado com o sensor SCiO, o modelo Changhong H2 proporcionava a obtenção de dados relacionados aos níveis de gordura e açúcares presentes em cada alimento, simplesmente a partir do ato de apontar o celular para o que fosse ser consumido.