Saiba quem são os finalistas do Prêmio Melhores do Ano Prazeres da Mesa de 2019

Saiba quem são os finalistas do Prêmio Melhores do Ano Prazeres da Mesa de 2019

(A foto foi registrada pela equipe do Prazeres da Mesa, durante o evento da premiação)

Aconteceu no início desse mês, a cerimônia de premiação dos Melhores do Ano do Prazeres da Mesa. Segundo o site deles, o prêmio acontece em duas fases. “Na primeira delas, especialistas do setor – como chefs, restaurateurs, críticos e estudiosos da alimentação –, indicaram seus favoritos em cada uma das categorias. Depois, nossa equipe apura os resultados e os mais votados se tornam finalistas e vão para votação popular”.

Ao todo, foram 176 chefs jurados neste ano (você pode conferir a lista aqui). Foram chefs de todos os estados brasileiros, para que todo o Brasil pudesse ser contemplado no prêmio. Ao fim das indicações dos chefs, os 5 mais votados eram indicados como os finalistas e iriam para a votação do público que se deu de forma online, até o dia 23 de Maio. Com exceção de três prêmios, que cabem à equipe do Prazeres: Personalidade da Gastronomia, Responsabilidade Social e Restaurateur do Ano, sendo este, a novidade do ano.

Confira abaixo, os participantes e vencedores de cada categoria:

Restauratrice do ano: Renata Vanzetto

Artesão da Gastronomia:

  • Eugênio Basile – meles, Mbee (São Paulo, SP)
  • Armando Rollemberg – queijos, Cabra Chic (Brasília, DF)
  • Bento Mineiro – queijo, Cuesta Azul (Pardinho, SP)
  • Oscar Paiva – utensílios gastronômicos, Pedra-Sabão (Osasco, SP)
  • Rafa Bocaina – conservas, embutidos, pães, queijos, geleias; Curiango (Silveiras, SP)

Banqueteiro do Ano:

  • Emmanuel Bassoleil, Hotel Unique (São Paulo, SP)
  • Buffet Fasano (São Paulo, SP)
  • Neka Menna Barreto, Neka Gastronomia (São Paulo, SP)
  • Viko Tangoda, Viko Gastronomia (São Paulo, SP)
  • Wanderson Medeiros, WGourmet (Maceió, AL)
Melhor Bar:
  • Astor (São Paulo e Rio de Janeiro)
  • Apothek (São Paulo, SP)
  • Boca de Ouro (São Paulo, SP)
  • Guarita (São Paulo, SP)
  • Guilhotina (São Paulo, SP)
Brigada de Ouro:
  • D.O.M (São Paulo, SP)
  • Evvai (São Paulo, SP)
  • Fasano (São Paulo, SP)
  • Lasai (Rio de Janeiro, RJ)
  • Maní (São Paulo, SP)
Melhor Hambúrguer:
  • Z Deli (São Paulo, SP)
  • Bravo Burger & Beer (Salvador, BA)
  • C6 Burger (São Paulo, SP)
  • Meats (São Paulo, SP)
  • Underdog (São Paulo, SP)
Melhor Café da Manhã:
  • PÃO – Padaria Artesanal Orgânica (São Paulo, SP)
  • BotaniKafé (São Paulo, SP)
  • Empório Jardim (Rio de Janeiro, RJ)
  • Futuro Refeitório (São Paulo, SP)
  • Padoca do Maní (São Paulo, SP)
  • The Slow Bakery (Rio de Janeiro, RJ)
Melhor Cafeteria:
  • Latitude 13 (Salvador, BA)
  • Café Secreto (Rio de Janeiro, RJ)
  • Coffee Lab (São Paulo, SP)
  • Futuro Refeitório (São Paulo, SP)
  • Kaffa Cafeteria (Vitória, ES)
  • Um Coffee Co. (São Paulo, SP)
Restaurante do ano – Centro-Oeste:
  • Mahalo (Cuiabá, MT)
  • Authoral (Brasília, DF)
  • Íz Restaurante (Goiânia, GO)
  • Meze (Goiânia, GO)
  • Olivae (Brasília, DF)
Chef do ano:
  • Manu Buffara, Manu (Curitiba, PR)
  • Alberto Landgraf, do Oteque (Rio de Janeiro, RJ)
  • Fabricio Lemos, do Origem (Salvador, BA)
  • Oscar Bosch, do Tanit e do Nit (São Paulo, SP)
  • Paulo Shin, do Komah (São Paulo, SP)
Chef Revelação:
  • Manuelle Ferraz, A Baianeira (São Paulo, SP)
  • Cesar Costa, do Corrutela (São Paulo, SP)
  • Henrique Pontes, do Meze Restaurante (Goiânia, GO)
  • Gonzalo Vidal, do 74 Restaurant (Búzios, RJ)
  • Tuca Mezzomo, do Charco (São Paulo, SP)
Restaurante de Cozinha Brasileira:
  • A Casa do Porco Bar (São Paulo, SP)
  • A Baianeira (São Paulo, SP)
  • Balaio IMS (São Paulo, SP)
  • Jiquitaia (São Paulo, SP)
  • Mocotó (São Paulo, SP)
  • Tordesilhas (São Paulo, SP)
Melhor comida de rua:
  • Pastel da Maria (São Paulo, SP)
  • Buzina Food Truck (São Paulo, SP)
  • Hot Pork (São Paulo, SP)
  • Tabuleiro do Acarajé (São Paulo, SP)
  • Vivianne Wakuda (São Paulo, SP)
Melhor Couvert:
  • Maní (São Paulo, SP)
  • A bela Sintra (São Paulo, SP)
  • A Figueira Rubaiyat (São Paulo, SP)
  • Rodeio (São Paulo, SP)
  • Rubaiyat (São Paulo, SP)
Cozinha Latino-americana:
  • La Peruana Cevicheria (São Paulo, SP)
  • Barú Marisqueria (São Paulo, SP)
  • Chiwake (Recife, PE)
  • Comedoria Gonzales (São Paulo, SP)
  • Wanchako (Maceió, AL)
Melhor Doceria:
  • Bel Trufas (Rio de Janeiro, RJ)
  • Carole Crema Doces (São Paulo, SP)
  • Casa Mathilde (São Paulo, SP)
  • Confeitaria Dama (São Paulo, SP)
  • Confeitaria Marilia Zylbersztajn (São Paulo, SP)
  • Pâtisserie Douce France (São Paulo, SP)
Melhor Feijoada:
  • Rubaiyat (São Paulo, SP)
  • Academia da Cachaça (Rio de Janeiro, RJ)
  • Aconchego Carioca (Rio de Janeiro, RJ)
  • Bolinha (São Paulo, SP)
  • Verissimo (São Paulo, SP)
Livro do Ano:
  • Claude Troisgros: história, dicas e receitas – Claude Troisgros (Editora Sextante)
  • A culinária caipira da Paulistânia – Marcelo Corrêa Bastos e Carlos Alberto Dória (Editora Três Estrelas)
  • Cachaça: história, gastronomia e turismo – Jairo Martins da Silva (Editora Senac)
  • Cozinhando com economia: cardápios, receitas e listas de compras para as quatro estações – Zenir Dalla Costa e Cláudia Moraes (Editora Senac)
  • Na mesa da baiana: receitas, histórias, temperos e espírito tipicamente baianos – Tereza Paim e Sônia Robatto (Editora Senac)
Restaurante do ano – Nordeste:
  • Casa de Tereza (Salvador, BA)
  • Cozinha Roccia (João Pessoa, PB)
  • Oleiro (Recife, PE)
  • Origem (Salvador, BA)
  • Quina do Futuro (Recife, PE)
Melhor Padaria:
  • The Slow Bakery (Rio de Janeiro, RJ)
  • Deli Garage (São Paulo, SP)
  • Padaria da Esquina (São Paulo, SP)
  • Padoca do Maní (São Paulo, SP)
  • PÃO – Padaria Artesanal Orgânica (São Paulo, SP)
Chef Pâtissière:
  • Lisiane Arouca (Salvador, BA)
  • Carole Crema (São Paulo, SP)
  • Henrique Rossanelli (Rio de Janeiro, RJ)
  • Nathalia Gonçalves (São Paulo, SP)
  • Rodrigo Ribeiro (São Paulo, SP)
  • Saiko Izawa (São Paulo, SP)
Restaurante do Ano:
  • Oteque (Rio de Janeiro, RJ)
  • Corrutela (São Paulo, SP)
  • Evvai (São Paulo, SP)
  • Komah (São Paulo, SP)
  • Lasai (Rio de Janeiro, RJ)
  • Manu (Curitiba, PR)
Restaurante do Ano – Norte:
  • Casa do Saulo (Alter do Chão, PA)
  • Banzeiro (Manaus, AM)
  • Manjar das Garças (Belém, PA)
  • Remanso do Bosque (Belém, PA)
  • Remanso do Peixe (Belém, PA)

Personalidade da Gastronomia: Ivo Faria

Restaurante do Ano – Sudeste:

  • Tanit (São Paulo, SP)
  • Corrutela (São Paulo, SP)
  • Evvai (São Paulo, SP)
  • Lasai (Rio de Janeiro, RJ)
  • Oteque (Rio de Janeiro, RJ)
  • Soeta (Vitória, ES)
Melhor Petisco de Bar:
  • Bolinho da dona Idalina, Bar do Luiz Fernandes (São Paulo, SP)
  • Besteira à milanesa, do Astor (São Paulo, SP)
  • Bolinho de arroz, do Bar do Momo (Rio de Janeiro, RJ)
  • Bolovo, do Boca de Ouro (São Paulo, SP)
  • Bolovo, do Guarita (São Paulo, SP)
Melhor Pizzaria:
  • Bráz Pizzaria (São Paulo e Rio de Janeiro)
  • Bráz Elettrica (São Paulo, SP)
  • Carlos Pizza (São Paulo, SP)
  • Leggera Pizza Napoletana (São Paulo, SP)
  • Napoli Centrale (São Paulo, SP)
Melhor Sanduíche:
  • Hot Pork (São Paulo, SP)
  • C6 Burger (São Paulo, SP)
  • Estadão Lanches (São Paulo, SP)
  • Matilda Lanches (São Paulo, SP)
  • Tan Tan Noodle Bar (São Paulo, SP)
  • Z Deli (São Paulo, SP)

Responsabilidade Social: Gastronomia Periférica

Melhor Sorveteria:
  • Bacio di Latte (São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Brasília, pernambuco e Goiás)
  • Frida & Mina (São Paulo, SP)
  • Gelato Boutique (São Paulo, SP)
  • Le Botteghe di Leonardo (São Paulo e Rio de Janeiro)
  • Sorveteria do Centro (São Paulo, SP)
Restaurante do Ano – Sul:
  • Manu (Curitiba, PR)
  • Bistrô Pelotense (Pelotas, RS)
  • Mandarinier (Porto Alegre, RS)
  • Nomade (Curitiba, PR)
  • Valle Rustico (Garibaldi, RS)
Sushiman do Ano:
  • André Saburó, Quina do Futuro (Recife, PE)
  • Cristiano Komiya, do New Koto (Brasília, DF)
  • Edson Yamashita, do Ryo Gastronomia (São Paulo, SP)
  • Emerson Kim, do Makoto (São Paulo, SP)
  • Ken Mizumoto, do Shin-Zushi (São Paulo, SP)
Restaurante Vegetariano:
  • Banana Verde (São Paulo, SP)
  • Org Bistrô (Rio de Janeiro, RJ)
  • Homa (São Paulo, SP)
  • Moinho de Pedra (São Paulo, SP)
  • Naturalie Bistrô (Rio de Janeiro, RJ)
  • Quincho Cozinha e Coquetelaria (São Paulo, SP)

E aí? O que você achou dos premiados? Já conhecia algum? Conta para a gente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.