Panela: Qual é o melhor material para cada preparação?

Cada tipo de panela tem características e indicações para certo tipos de alimentos e preparos. Saiba escolher a melhor panela para sua receita

0
panela
Fonte: divulgação

Se você acha que panela é tudo a mesma coisa, posso afirmar que você está enganado.

Cada tipo panela é feito em um modelo e um material, com formatos e características diferentes, trazendo consigo vantagens e desvantagens, como a qualidade do cozimento e até mesmo trazendo riscos à saúde quando são mal utilizadas.

Desta forma, podemos dizer que as opções de panelas não dizem respeito apenas ao preço ou estética, cada uma delas têm especificidades.

Então, para te ajudar preparamos uma lista dos materiais das panelas com suas vantagens e desvantagens, para que você possa escolher a panela certa para cada situação, visando um melhor resultado para a comida e o bem-estar de sua família.

Panela de Alumínio

panela
Panela de Alumínio(Fonte: divulgação)

A panela de alumínio provavelmente seja a mais comum, pois são leves e práticas, além de possuir um preço mais acessível, bem menor que todas as demais.

Ela é ideal para fazer frituras, doces e refogados, sendo boas auxiliares na hora de manter o sabor dos alimentos, mesmo quando eles são submetidos a altas temperaturas.

Por outro lado, essa panela pode ser considerada a mais controversa, pois há estudos que apontam que elas soltam partículas de metais pesados no alimento.

Caso opte por esse modelo, não precisa se preocupar com  o alumínio liberado por essa panela, pois a OMS (Organização Mundial da Saúde) já concluiu que a quantidade liberada não é prejudicial a saúde.

Panela de Aço Inox

panela
Panela de Aço Inox (Fonte: divulgação)

Esse material torna a panela muito mais duráveis ao longo do tempo, pois são muito resistentes à corrosão, ao desgaste e à ferrugem.

Essa panela possui a vantagem de distribuir o calor de forma igual por toda sua superfície, são fáceis de higienizar e mantêm o calor dos alimentos por mais tempo, por isso elas são ideias para utilizar em longas cocções.

Por esquentar rapidamente, elas não são indicadas para frituras, queimando rapidamente os alimentos que estão imersos no óleo.

Essas panelas costumam liberar pequenas quantidades de níquel, porém ela acaba soltando, também, metais que são benéficos na comida, como o cromo e ferro.

A panela de aço inox quando higienizada precisa ser bem seca antes de ser guardada para evitar que elas escureçam com o tempo.

Panela Teflon

panela
Panela de Teflon (Fonte: divulgação)

Teflon é um revestimento que possui nas panelas, essas que normalmente são feitas de alumínio ou de aço inox.

As panelas de teflon também são conhecidas como panelas antiaderentes, pois elas evitam que os alimentos grudem na panela, o que facilita o preparo da comida e evita utilizar gordura em excesso.

Para utilizar essas panelas é necessário um cuidado dobrado no manuseio, visto que elas são muito fáceis de riscar, caso o material da colher não seja adequado, o ideal é utilizar colheres silicone e quando for lavar utilizar esponjas macias para, assim, evitar que elas percam o revestimento.

Quando essas panelas começam a perder o teflon é recomendável que elas sejam trocadas, pois esse revestimento é composto por um polímero químico que quando são expostos a altas temperaturas causa problemas pulmonares similares a uma gripe, podendo até evoluir para doenças mais graves. Além disso, quando a panela não possui mais esse material ela deixa de ser antiaderente.

Panela de Cobre

panela
Panela de Cobre (Fonte: divulgação)

As panelas de cobre além de ser muito bonitas, servindo como objeto de decoração, elas são extremamente duráveis. A conservação desse tipo de panela deve ser feita praticamente diária, pois elas precisam de polimento constante.

Elas tanto esquentam de forma uniforme rapidamente, isso se aplica também quando falamos em esfriar a panela.

A sua venda foi proibida no Brasil por soltarem cobre durante sua utilização, o que acarreta dano cerebral e renal.

Panela de Barro

panela
Panela de Barro(Fonte: divulgação)

A panela de barro foi uma das primeiras a serem produzidas, são bem pesadas e frágeis, não resistindo a quedas.

Elas são indicadas para alimentos que possuem bastante líquido, como sopas, caldeiradas, molhos, moquecas, caso não possuía muito líquido na preparação, você tem que tomar cuidado para o alimento não grudar no fundo da panela.

Para essa panela ser utilizada ela precisa primeiramente passar um processo chamado de “cura” para poder ser impermeabilizadas. Elas mantêm por muito tempo a temperatura dos alimentos.

Apesar de não liberar nenhum metal nocivo à saúde, elas são extremamente porosas, aderindo, assim, muita sujeira e se não for bem limpa, pode ficar resquícios dos alimentos.

Panela de Ferro

panela
Panela de Ferro (Fonte: divulgação)

Essas panelas possuem uma excelente durabilidade e são tão bonitas que muitas vezes são utilizadas como decoração.

Elas conseguem chegar em altas temperaturas, conduzindo uniformemente o calor, o que evita que o dificulta que os alimentos sejam queimados.

As panelas de ferro são pesadas o que dificulta o seu manuseio, além disso, elas costumam enferrujar, para que isso seja evitado é necessário tomar alguns cuidados como lavá-las com água morna e sabão, além se secá-las assim que terminar sua higienização, o ideal é secar no fogo e espalhar uma camada de óleo na superfície antes de guardá-las.

O seu uso é considerado benéfico para pessoas que estão combatendo a anemia, pois elas soltam resíduos de ferro durante o cozimento.

Panela de Cerâmica

panela
Panela de Cerâmica (Fonte: divulgação)

Esse tipo de panela se destaca pelo seu visual, podendo ter várias cores e até estampas, dando um charme a mais a cozinha.

Elas são antiaderentes e mantém o calor por mais tempo, mesmo após desligar o fogo.

É necessário observar alguns pontos ao comprar esse tipo de panela, pois se ela apenas tiver o revestimento de cerâmica não terão a capacidade de manter o calor, porém as demais qualidades serão mantidas e se elas possuem o certificado de atoxidade, o que compra que elas não irão liberar substâncias tóxicas.

Panela de Titânio

panela
Panela de Titânio (Fonte: divulgação)

Modernas, revolucionárias e caras, as panelas de titânio são ótimas quando o assunto é grelhar, refogar ou fritar. São muito difíceis de achar, pois possuem uma tecnologia exclusiva e um material utilizado no setor industrial, que é bem caro.

As panelas de titânio não grudam, são versáteis e muito fáceis de manter e lavar. Duram por anos e são muito resistentes. A única reserva é o uso de utensílios de alumínio ou ferro, que podem riscar a superfície da panela.

Panela de Pedra-Sabão

panela
Panela de Pedra-Sabaão (Fonte: divulgação)

As panelas de pedra-sabão são fabricadas artesanalmente e são feitas com um material que é considerado antiaderente natural e possuem o cozimento lento.

Elas liberam metais que são benéficos a saúde como o cálcio, magnésio, ferro e manganês.

Elas precisam ter uma atenção ao serem higienizadas, pois são porosas o que acumula sujeira com grande facilidade. Apesar de serem pesadas, elas são panelas bem frágeis, precisando serem usadas em fogo baixo para evitar que rachem.

Assim como a panela de barro, para serem utilizadas pela primeira vez precisa passar por um processo de “cura” para que evitem a soltar níquel nos alimentos.

Panela de Vidro

panela
Panela de Vidro (Fonte: divulgação)

As panelas de vidros são as mais indicadas quando o assunto é saúde, pois elas são atóxicas, sem transferir nenhum tipo de resíduo ao alimento.

Elas estiveram muito na moda  nos anos 90, porém hoje em dia, os fabricantes dão preferência a esse material apenas para as tampas.

Elas são naturalmente antiaderentes e são fáceis de serem limpas, em contrapartida elas são extremamente frágeis é necessário um cuidado maior ao manipular. Além do cuidado ao manusear, é necessário prestar atenção enquanto estar sendo utilizada, pois ela não distribui o calor de forma uniforme, o que facilita que o alimento queime com maior facilidade.

Panelas Esmaltadas

panela
Panela Esmaltada (Fonte: divulgação)

As panelas esmaltadas são feitas de ferro fundido ou alumínio, revestidas com tinta esmalte. Já foram muito populares, mas tiveram seu uso desestimulado por soltar resíduos da tinta nos alimentos.

Basicamente, seu melhor uso é para ferver ou esquentar água. Por isso, o material é melhor aproveitado em leiteiras, chaleiras e até molheiras. Na hora da compra é preciso ficar atento à qualidade do esmalte aplicado, já que alguns modelos possuem qualidade inferior e descascam com bastante facilidade.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui