O filme “Chef” lançado em 2014 e dirigido por Jon Favreau, conta a história de um Chef de cozinha que decide montar seu próprio menu para um crítico culinário, porém o dono do restaurante não permite (uma realidade, aliás, bastante presente no meio; pois muitas vezes o chefe administrativo não entende a área da cozinha como o próprio Chef de cozinha, e finda por intervir em pontos que não deveria). Após isso, o Chef, enraivecido por ter seu trabalho depreciado pelo crítico e podado pelo dono do restaurante, pede demissão e decide abrir um food truck de sanduíches cubanos, retornando às suas raízes e ao ínicio da sua carreira.

O filme mostra um pouco da realidade caótica da cozinha profissional, do glamour e das consequências que essa atenção traz ao Chef e ao restaurante. Já na segunda metade do filme, procura-se mostrar as dificuldades do Chef de montar seu estabelecimento, de escolher o menu certo, de procurar os ingredientes que atraiam consumidores.

Além de abordar a questão gastronômica, o filme traz consigo o envolvimento das pessoas com o Marketing Digital, a Internet e as Redes Sociais, em pontos como a repercussão da discussão do Chef com o crítico gastronômico e o reconhecimento do seu food truck pelos vídeos que seu filho faz e veicula nas redes sociais.

O filme se passa nos Estados Unidos e no seu desenvolvimento vai mostrando outras cidades e seus costumes culinários. Ótima indicação para quem gosta de gastronomia e comédia.