Bolsas para mestrado Erasmus Mundus vão até dia 31

Trata-se de um mestrado de dois anos em quatro universidades europeias, focado em temas como os efeitos sócio-econômicos e ambientais de políticas alimentares, ambientais e agriculturais

0
Erasmus Mundus lança bolsas de mestrado integrais, para praticas alimentares

O Mestrado Erasmus Mundus AFEPA (Agricultiral, Food and Environmental Policy Analysis) está com inscrições abertas para bolsas integrais até 31 de janeiro. Trata-se de um mestrado de dois anos em quatro universidades europeias focado em temas como os efeitos sócio-econômicos e ambientais de políticas alimentares, ambientais e agriculturais.

As bolsas Erasmus cobrem integralmente as anuidades do programa de mestrado, e concedem um valor mensal de mil euros para que os estudantes custeiem suas vidas na Europa. Também oferecem um valor anual de três mil euros para passagens aéreas, e um auxílio-instalação de mil euros no primeiro mês do estudante no continente.

Como é o programa?

O programa de dois anos se divide em quatro semestres. Para se formar, os estudantes devem completar dois semestres de estudo em uma das quatro principais universidades do consórcio: Università Cattolica del Sacro Cuore (em Milão, na Itália), Rheinische Friedrich-Wilhelms-Universität (UBonn, em Bonn, na Alemanha), Swedish University of Agricultural Sciences (em Uppsala, na Suécia) ou Université Catholique de Louvain (em Louvain, na Bélgica).

Também podem fazer os dois semestres restantes em universidades parceiras, que incluem escolas no Chile, Espanha e Quênia. Também podem estudar em organizações parceiras, incluindo ONGs e agências governamentais em países como Suécia, Espanha, França e Costa do Marfim. Mais informações podem ser vistas neste link.

Como se candidatar

O programa é voltado para pessoas que já tenham concluído a graduação, e que tenham estudado pelo menos 15% dos créditos em áreas relacionadas a economia. Também é possível se candidatar estando no último ano da graduação (lembrando que as aulas do mestrado devem começar em setembro de 2021).

Como parte do processo de candidatura, será necessário enviar histórico acadêmico, carta de motivação (em inglês, com até 300 palavras), comprovante de proficiência em inglês (veja aqui os certificados aceitos) e dois contatos que possam escrever cartas de recomendação para o candidato. Os requisitos completos podem ser vistos aqui.

As candidaturas podem ser feitas por meio deste link. Será necessário enviar versões traduzidas para inglês dos documentos citados acima. Estudantes que quiserem se candidatar ao mestrado com a bolsa devem completar suas inscrições até 31 de janeiro de 2021.

Fonte: Estudar Fora.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui