Bacardi associa vodka com menos teor alcoólico a mulheres

A marca da bebida disse que “não se orgulha”, após enfrentar críticas nas redes sociais, do marketing de gênero utilizado para promover a nova linha com baixo teor alcoólico

0
vodca
Fonte: divulgação

A marca de bebidas Bacardi irá lançar, em agosto deste ano, uma nova linha de bebida, que segundo o material de divulgação a bebida é destinada para mulheres, pois possui a metade do teor alcoólico que uma vodka comum costuma ter.

A reação do público não foi das melhores nas redes sociais, isso ocorreu porque muitos internautas não gostaram que o gênero da pessoa tenha sido um fator de associação à quantidade de álcool que possui na bebida.

Algumas clientes argumentaram que a campanha publicitária foi sexista, dando a entender que as mulheres são mais frágeis do que os homens em relação à resistência com bebidas.

Um porta-voz da Bacardi, após a polêmica, falou sobre a divulgação usada pela marca para a “Plume and Petal”.

Shelley Menze, nossa cientista sênior de bebidas, decidiu redefinir a experiência de bebida para ela e suas amigas ao recebê-las em casa. O que começou como um projeto pessoal e apaixonado se transformou em uma marca única que atende a uma demanda mais ampla por alternativas de baixa caloria e baixo teor de álcool.

A equipe da Bacardi ainda fala que não estar orgulhosa pela abordagem feita, porém fala que tem orgulho da equipe que criou a linha “Plume and Petal”

“Dito isto, estamos cientes das conversas nas redes sociais sobre o uso da linguagem de gênero. Não nos orgulhamos disso, mas nos orgulhamos das criadoras femininas por trás deste produto – infelizmente, uma raridade nesse setor – e nos orgulhamos também dessa bebida deliciosa”

A linha que foi criada pela Shelly Menze e sua equipe, que é predominantemente formada por mulheres, levaram oito anos para aperfeiçoar a bebida em questão.

 Menze trabalha na Bacardi há 11 anos e já criou outros produtos para empresa, como tequila rum, vermute e uísque.  Com a criação da “Plume and Petal” a cientista teve o intuito de “redefinir completamente a experiência de bebidas para as ‘noites das meninas’ como uma alternativa ao vinho, com a qual as mulheres se sentissem bem”.

A linha que em sua garrafa possui 750 ml e custa US$19,99, cerca de R$104, é feita com 100% de vodka americana sem glúten, destilada seis vezes e infundida com frutas naturais, vegetais, chás e uma pitada de mel. Além disso, não contém adoçantes artificiais e está disponível em três sabores: Pepino Splash, Peach Wave e Lemon Drift.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui