Por que é dado o nome de enólogo para quem elabora o vinho?

o profissional “pai”, responsável por toda a criação e processos do vinho, tem a ver desde o solo em que a uva é plantada, as misturas feitas na bebida, até a sua inserção no mercado.

No Brasil existe somente uma única universidade que habilita o bacharelado desse tipo de profissional, localizada na Serra Gaúcha em Bento Gonçalves, a formação é em agronomia com especialização em Enologia.

Já para conseguir o tecnólogo em Enologia, há instituições em São Paulo, Pernambuco e Rio Grande do Sul.

Por que é dado o nome de enófilo para quem aprecia o vinho?

Citando o autor e apaixonado por vinho Luiz Groff: “Enólogo é aquele que diante do vinho toma decisões, e Enófilo é aquele que, diante das decisões toma vinho”.

Em outras palavras todos os apreciadores de vinho são enófilos e possuem diferentes níveis de conhecimento, conforme sua paixão e dedicação neste sentido.

WhatsApp Image 2019 10 21 at 15.37.25
(foto: Google)

História do dia e escolha da data para o dia do Enólogo

Comemora-se em 22 de outubro o dia do Nacional do Enólogo, referido como o grande artista e encantador, na arte de produzir vinhos.

No projeto de lei nº 2.274 de 29 de setembro de 1983, arquivado anos depois foi sugerido que a data fosse denominada como “Dia Nacional do Enólogo E Técnico Em Viticultura e Enologia e do Vitivinicultor”, porém sua oficialização se deu em Bento Gonçalves, na “capital brasileira do vinho” como “Dia do Enólogo”, conforme a lei nº 848 de 1 de setembro de 1978.

Uma curiosidade a respeito desta data é que no ano de 1959 foi fundada a Escola Agrotécnica Federal de Bento Gonçalves, responsável por capacitar técnicos em Enologia no país.

Para comemorar essa data da melhor forma só com uma taça de vinho, não é mesmo?